Marketing para laboratórios de análises clínicas: qual a importância e como fazer

Tempo de leitura: 17 minutos

Se você é empresário do setor de laboratórios de análises clínicas, preparei este artigo que vai te situar sobre a importância das ações e dos investimentos em marketing para alcançar oportunidades de crescimento e de lucratividade.

Estar à frente no mercado e se destacar diante da concorrência é crucial nos dias atuais, não é mesmo? Para isso, algo muito importante é definir e implementar estratégias de marketing para laboratórios de análises clínicas.

Estas estratégias criam diferenciação de mercado ajudam seu laboratório a conquistar novos clientes, fidelizar os que já são usuários dos seus serviços e fortalecer a sua marca: criando autoridade e aumentando a sua presença.

Para que você possa entender a importância das estratégias de marketing desse ramo e como colocá-las em prática, reuni algumas informações para ajudar você a alavancar de vez o seu laboratório. 

Continue a leitura e aproveite!

Índice de conteúdo

Laboratórios de Análises Clínicas no Brasil

O mercado de Laboratórios de análises clínicas não para de crescer. De acordo com um levantamento realizado pelo Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNESWeb), existem no Brasil, mais de 21.500 desses estabelecimentos.

Um número significativo, não é mesmo?

Mas não é preciso pensar em grandes números ou ir tão longe não: para perceber o crescimento do setor, pergunto e convido a fazer apenas uma reflexão com a sua resposta:

Quantos laboratórios existem por aí na sua cidade ou na sua região?

Uma coisa é certa: com o aumento da oferta, os consumidores passam a ter muito mais opções para a sua escolha, e cada estratégia para atraí-los tem uma importância crucial, tenha certeza.

Por que investir em marketing para Laboratórios de Análises Clínicas

Supondo que o seu laboratório já seja antigo e possua uma boa clientela, você deve estar se perguntando: se está funcionando sem marketing, por que eu deveria investir?

Para responder a este questionamento [que sim, ainda existe], começo ilustrando uma das definições do marketing, dada pelo renomado Philip Kotler, consagrado como o “pai” do Marketing em todo o mundo:

“Marketing é a arte de descobrir oportunidades, desenvolvê-las e lucrar com elas. É a ciência e a arte de conquistar e manter clientes, desenvolvendo relacionamentos lucrativos”

Philip Kotler

Os dados de mercado já ilustrou que o cenário está cada vez mais competitivo, e tendo em vista que a principal função de uma empresa é gerar lucro, girar o dinheiro, acredito que o principal motivo para investir em marketing para laboratórios de análises clínicas é:

Gerar oportunidades de crescimento e de lucratividade.

Mas, Helder, quais são estas oportunidades? 

Estou falando de empregos, de acesso à tecnologia, de papel social, de crescimento sustentável, de lucro, de desenvolvimento humano, etc.

10 estratégias de marketing para laboratórios de análises clínicas

Para ilustrar ainda mais a importância de investir em marketing para laboratórios de análises clínicas, citarei 10 estratégias eficazes para acelerar os seus resultados.

Repare que o digital estará presente na maioria delas, o que é natural, dado o tamanho de sua presença nas nossas vidas na atualidade.

Confira:

1. Conheça bem o seu público

Para que qualquer ação de marketing surta efeito, é primordial que você saiba quem é o seu público alvo, ou seja, quem são as pessoas que podem se tornar seus clientes.

Quem são eles? Onde moram? Qual a frequência em seu laboratório? Quais suas informações como sexo, escolaridade, poder aquisitivo e outras? Quais seus principais medos, angustias e dores?

Sem conhecer o público definitivamente não é possível criar estratégias eficientes para impactá-los.

Para isso, existem diversas ferramentas, entre elas, cito algumas:

  • Faça uma pesquisa;
  • Mantenha seu cadastro atualizado;
  • Ouça o que o seu cliente tem a dizer;
  • Aceite críticas como “elogios”;
  • Participe de eventos e procure inserir a marca do seu laboratório nos ambientes de convívio dos seus clientes.

2. Esteja atento à concorrência

A concorrência possui um papel importante para o mercado, de maneira geral: equilibra preços, retira empresários da zona de conforto, estimula a inovação, além de contribuir para diversificar as opções de escolha dos clientes.

Existem 2 tipos de concorrentes. Os Concorrentes Diretos e os Concorrentes Indiretos.

Os diretos, são aqueles que concorrem diretamente com o seu negócio, considerando o mesmo público, os mesmos preços, mesma região geográfica, etc.

Já os indiretos, são aqueles que concorrem indiretamente com o seu negócio, ou seja, os que têm públicos distintos, os que estão geograficamente mais distantes, os que praticam preços diferentes, etc..

O importante é que, a título de análise, você tenha conhecimento de tudo que envolve seu laboratório e os laboratórios concorrentes, ou seja, esteja sempre munido de informações e de ideias inspiradas na concorrência, para eventuais tomadas de decisão.

E lembre-se: a análise deve ser constante, e você deve ficar com os olhos do lado de fora e, ao mesmo tempo, não perder de vista o que acontece dentro do seu laboratório.

3. Invista em qualidade, sempre

Um dos principais indicadores que fazem os clientes retornarem ou indicar os seus serviços para terceiros é a qualidade.

Mas isso você já sabe, não é mesmo?

O problema é que, manter a qualidade implica em estar constantemente investindo aqui e ali, e muitos empresários acabam procrastinando estes investimentos, tentando priorizar coisas mais urgentes.

O fato é que, sem qualidade, o cliente não volta. Não indica. Não aprova o serviço. Sem cliente o seu faturamento cai e então as possibilidades de crescimento e de sucesso vão ficando cada vez mais distantes de sua realidade.

Pense nisto.

4. Preocupe-se com o clima interno

Enganam-se os empresários que pensam que investir no posicionamento e na imagem de seu negócio externamente já é o suficiente para alcançar os benefícios proporcionados pelo marketing.

Por isso, eu lhe pergunto:

  • Como está o clima organizacional de seu laboratório? 
  • Seus colaboradores estão satisfeitos e felizes?
  • Existem ruídos na comunicação entre a empresa e os empregados? 
  • As condições de segurança física e biossegurança estão adequadas?

Quando um cliente vai colher material para exames, tudo o que ele quer, na grande maioria dos casos, é ser bem atendido. É receber um acolhimento com carinho, respeito e cuidado. 

Assim, estas questões internas interferem sim no resultado, refletindo diretamente na qualidade do atendimento prestado pelos seus colaboradores.

O zelo pela marca, pela imagem e pelo laboratório tem que ser igual ao zelo pelo bom ambiente de trabalho e pela qualidade de vida de quem faz realmente a roda girar: os colaboradores.

Algumas importantes ponderações a respeito:

  • Tenha um RH com especialista(s) em gestão de pessoas;
  • Tenha um plano de cargos e salários;
  • Incentive a prática de atividades esportivas que favoreçam corpo e mente;
  • Incentive a qualificação e ofereça apoio para isto;
  • Dê e peça feedback sempre que possível;
  • Ofereça benefícios e vantagens de acordo com a realidade e com o mercado;
  • Seja transparente.

5. Tenha um site moderno, leve e responsivo;

Hoje, ter um site e apostar em estratégias de marketing digital, deixou de ser opção para as empresas. Mas, mesmo assim, muitos empresários ainda continuam sem entender se realmente necessitam de um site ou se devem investir em outras estratégias digitais.

Dados do IBGE de 2018 revelaram que o número de pessoas com acesso à internet só aumenta: segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD) três em cada quatro domicílios do país possui acesso à internet.

Em contrapartida, milhões de buscas são realizadas todos os dias no Google sobre diversos assuntos, entre eles, certamente, produtos e serviços que sua empresa vende.

Estas informações são valiosas para que você possa fazer sua análise e entender que os consumidores estão, todos os dias, na internet, o que fez dela uma das principais ferramentas de venda e de conquista de novos clientes.

Assim, ser encontrado, aparecer nestas buscas, é o que o seu laboratório precisa para fomentar o aumento das atividades financeiras, ou, arrisco em dizer, se manter no mercado.

Site moderno, leve e responsivo

A tecnologia muda todos os dias, e com ela, as tendências e novos recursos para sites surgem a cada piscar de olhos

Entenda agora os conceitos de moderno, leve e responsivo:

Moderno: site pensado exclusivamente no usuário final. Formas, cores e imagens utilizadas a favor [e dentro do que há de tendência] para encantar os seus clientes. Recursos tecnológicos e visuais pensados exclusivamente para facilitar a navegação e gerar um envolvimento com os visitantes.

Leve: dentro dos fatores que o Google considera como positivos para posicionar ou não o seu site diante de uma determinada busca, o tamanho do site é levado em consideração. Sites pesados que demoram a carregar são naturalmente penalizados pelo buscador, perdendo assim, espaço para a sua concorrência.

Responsivo: mais um fator [crucial] para o ranqueamento no Google, a responsividade está entre os mais fortes. Um site responsivo nada mais é do que um site auto ajustável em diversos dispositivos móveis, como celulares, tablets ou tevês.

6. Ofereça resultados de exames via internet

Não é somente as empresas que correm para se banhar de tecnologia e de modernidade. Os usuários também. Aliás, diga-se de passagem, a principal razão das empresas preocuparem-se com este quesito é a exigência dos próprios usuários, que adoram tecnologia.

Hoje, ter no seu site um link para que o paciente possa retirar os resultados dos seus exames se tornou um item básico para incrementar o marketing para laboratórios de análises clínicas.

Existem diversas empresas no mercado que oferecem este serviço, e você só precisa contratar um software de gestão que dê suporte a este tipo de solução.

O investimento certamente valerá a pena, pois a satisfação do cliente irá garantir pontos positivos para a sua marca.

7. Fortaleça a identidade visual do seu laboratório

Você sabe o que é e qual a importância da identidade visual?

Tal como nós, que temos nossas próprias características e particularidades, que definem nossa identidade, os negócios também possui.

Conceituando, então, Identidade é conjunto de caracteres particulares e exclusivos, com os quais se pode diferenciar pessoas, coisas, animais, uns dos outros.

Em uma empresa, podemos utilizar essa mesma lógica: a sua identidade pode ser definida por um conjunto de características muito próprias que nenhuma outra possui.

Algumas dessas características podem ser observadas, por exemplo, na marca gráfica (identidade visual), ou seja, a forma como a sua marca é exposta visualmente. 

Assim, a identidade Visual é construída com diversos elementos visuais com o principal objetivo de comunicar ao mundo um conceito, uma ideia, os valores, o posicionamento de uma marca no mercado. Alguns elementos responsáveis por esta comunicação:

  • logotipo;
  • embalagens;
  • placas;
  • fachadas;
  • gôndolas em supermercados;
  • cores, formas e símbolos;
  • frota veicular;
  • uniformes,
  • crachás;
  • documentos;
  • folders e materiais de divulgação impresso;
  • etc.

Um case bastante interessante de mencionar aqui é o da Mastercard. 

Você já deve ter notado em cartões bancários que a logo agora não é apresentada com o nome “MasterCard”. A empresa aproveitou a sólida força mercadológica que tem e passou a utilizar apenas o símbolo [a bolinha amarela e vermelha], fazendo o expectador a ligar ao nome da empresa só de olhar para ele [símbolo]. Esta é uma estratégia feliz de identidade visual. [um exemplo você pode conferir nos novos modelos dos cartões de crédito do Nubank]

8. Esteja presente nas redes sociais

As redes sociais tomaram conta, de verdade, da vida das pessoas. Entra ano e sai ano, mais pessoas estão presente e se relacionando nos seus perfis virtuais.

O Facebook e o Instagram são as duas redes sociais com mais usuários. 

O Brasil é um dos cinco maiores mercados para o Facebook. Em um bolo de 2,2 bilhões de usuários no mundo, o Brasil atingiu a marca de 127 milhões de usuários ativos todo mês, de acordo com dados divulgados pela plataforma.

Já o Instagram, o Brasil ocupa a segunda posição no ranking global de número de usuários do aplicativo, com 66 milhões de usuários ativos, ficando atrás apenas dos Estados Unidos [onde o app foi criado].

Basicamente, estar nas redes sociais é estar no mesmo ambiente que o seu cliente está. É ter a chance de manter a sua marca em destaque e presente na mente coletiva dos consumidores.

Dados de uma pesquisa realizada pelo Altimer Group e Wetpaint, para a revista Business Week, apontam que investimentos nas mídias digitais apresentam melhores resultados que os alcançados através das mídias tradicionais e que resultam em receitas finais maiores.

A pesquisa apontou que as empresas que investiram em mídias sociais cresceram 18% em um ano, enquanto aquelas que investiram pouco ou nada tiveram uma queda de 6% em suas receitas no mesmo período.

O que você precisa saber antes de investir em redes sociais:

  • Post não é conteúdo: todo o conteúdo a ser postado precisa cumprir um papel e ser estrategicamente elaborado. Para isso, existe a estratégia de marketing de conteúdo. Deixe esta tarefa para quem entende do assunto e pode lhe trazer melhores resultados.
  • Entenda quem são as pessoas as quais sua marca irá “conversar” com os conteúdos. Somente assim os conteúdos gerados serão relevantes ao seu público, aumento a interação, engajamento e o alcance de sua marca.
  • Rede social não é um canal exclusivo de venda. Como o próprio nome diz, é uma rede social e as marcas estão lá para “conversar” com o seu público. Por isso, evite fazer “panfletagem virtual”, que é postar, todos os dias, conteúdos falando bem de vocês mesmos, empurrando seus serviços para os seus seguidores. Isso já foi comprovado que ninguém gosta.
  • Defina os KPIs (Indicadores de Performances) e saiba o que, de fato dá resultado com este tipo de ação.

Quer mais? 🙂

9. Tenha um vídeo institucional / apresentação de seu laboratório

Apresentar seu laboratório de análises clínicas por meio de vídeo institucional é uma estratégia poderosa. 

O vídeo, além de oferecer muito mais alcance nas redes sociais e serem mais assistidos, transmite os valores do seu negócio, humaniza as relações e agrega valor à sua marca perante todo o mercado. Tudo com uma forma que pode ser agradável de ser assistida.

10. Invista em anúncios pagos no Facebook, Instagram e Google Ads

O investimento em publicidade e propaganda sempre foi elevado. Poucas empresas (principalmente as de pequeno porte) possuíam, de fato, parte de seu faturamento para investimento na área.

Além disso, os meios disponíveis que atingiam um grande número de pessoas eram absurdamente caros e inacessíveis para empresas de pequeno porte ou que estavam se lançando no mercado, sem contar o fato de não poderem ser medidas.

Com todas estas vantagens, além dos custos bem abaixo, como disse acima, as estratégias digitais ganham disparadamente das “tradicionais” pelo fato de poderem ser medidas.

Hoje, com o digital, é possível anunciar em diferentes canais e saber exatamente quantas pessoas viram, clicaram, compartilharam ou rejeitaram uma campanha. É possível medir, também, por meio de dados concretos e reais, qual é o impacto sobre o consumidor, referente ao valor investido.

É possível fazer muito mais, por muito menos.

Suponhamos que investimos um aporte de R$ 4 mil mensais referente a uma página semanal de um determinado jornal impresso. Um anúncio impresso em um jornal tem pouco tempo de vida. No dia seguinte, quando o jornal já tem a data ultrapassada, o anúncio “morre”. Estes mesmos R$ 4 mil poderiam ter sido investidos em anúncios em diversas plataformas digitais, como redes sociais (Facebook e Instagram Ads), Google Ads, aplicativos, e muitos outros. O número de pessoas que veriam esse anúncio é incrivelmente maior, quando comparado ao do jornal, e isso impactaria, consequentemente, um número também maior no retorno esperado.

Além disso, os canais digitais oferecem ferramentas de análise de métricas muito precisas, o que não acontece no caso dos jornais e revistas impressas. Tudo isto, ainda, sem mencionar que o custo para todo o processo é menor, não há impacto ambiental direto e é uma excelente forma de se obter maior controle sobre os investimentos da empresa.

Conclusão

Que estamos passando por um período de transição, é fato, e você já sabe. Esse período tem mexido com toda a estrutura das empresas e da forma como as empresas de marketing prestam os seus serviços.

O meu intuito com este artigo foi mostrar o quanto é importante apostar em estratégias de marketing para laboratórios de análises clínicas. O setor é bastante importante para a sociedade e quanto mais engajado com os clientes o laboratório for, maior as chances de se destacar no mercado e alcançar oportunidades de crescimento.

Vimos as informações básicas, como dados do setor no brasil, as razões pelas quais os empresários de laboratórios clínicos devem investir em marketing e pontuamos 10 estratégias fundamentais para, pelo menos startar as ações de marketing do seu laboratório.

Gostou do artigo? Comente, compartilhe e leia sempre que precisar!

Já conhece a Heto Marketing? Somos especializados em criar estratégias para conversar diretamente com o seu público, de forma eficaz e que gera resultado. Que tal começar uma estratégia de marketing de conteúdo para o seu laboratório? Entre em contato e vamos conversar!

QUERO CONHECER